Policial

Últimas informações sobre o caso de Eduarda, encontrada morta na casa do pai foi enterrada hoje sem velório

Confira a entrevista com o delegado, imagens do enterro da menina e um resumo das principais publicações sobre o caso

O delegado Ricardo Jorge da 22ª SDP de Arapongas, concedeu uma entrevista coletiva sobre o caso de Eduarda Shigematsu.

 

 

 

 

 

ASSISTA:

 

Enterro

 

 

O corpo da menina foi enterrado na manhã desta segunda-feira (29), no Cemitério Municipal de Rolândia. A família optou por não fazer velório, apenas uma oração.

Colegas de escola da menina foram dispensados das aulas e participaram do enterro.

 

Enterro foi marcado pela emoção de
familiares e amigos da menina
Foto: Alceu Franco/RPC

 

 

Veja o momento em que o pai da Eduarda, o Ricardo Seidi, foi preso pela polícia no local do crime. Imagens Cobra News
 
Rolândia

Veja o momento em que o pai da Eduarda, o Ricardo Seidi, foi preso pela polícia no local do crime.

Posted by Cobra News on Sunday, April 28, 2019

 

 

Confira a reportagem de Guilherme Spanguemberg

De acordo com o Boletim de Ocorrência número 507485/2019 da Polícia Civil a prisão de Ricardo Seidi Shigematsu se deu da seguinte forma:
Na manhã deste domingo (28) policiais civis de Rolândia e do SICRIDE analisaram imagens de uma câmera de vigilância de uma casa próxima à casa da Eduarda.
Nas imagens foi possível ver que a menina chega em casa na última quarta-feira (24), após a aula. As imagens mostram que a menina não sai da residência.
Após aproximadamente 1 hora e 30 minutos da chegada da menina em casa Ricardo sai da residência em um veículo de cor escura.
Cerca de 15 minutos após a saída dele a avó da menina, Tereza, chega ao local.
Em meio a essas informações policiais receberam a denúncia de que Ricardo foi visto durante a semana em uma casa vazia na Rua Manoel Carreira Bernardino, 353.
Ao chegar no local indicado neste domingo os policiais viram uma camionete Hilux estacionada na garagem.
Os agentes pularam o muro e viram que o piso de um dos cômodos havia terra e pedaços de concreto.
Os policiais começaram a escavar e encontraram o corpo da menina. Uma equipe foi até a casa de Ricardo e ele acabou preso.
Ricardo foi levado até a casa onde o corpo foi encontrado e negou participação na morte da filha.
Ele foi levado à Casa de Custódia de Londrina onde permanece preso acusado de homicídio e ocultação de cadáver.

Informações: Polícia Civil
Reportagem: Guilherme Spanguemberg
Última foto de Ricardo Seidi ao chegar à Casa de Custódia de Londrina na noite deste domingo!

Eduarda Shigematsu havia sobrevivido a um acidente grave em 2015

A garota Eduarda Shigematsu, de 11 anos, encontrada morta na residência do pai na cidade de Rolândia, região metropolitana de Londrina, havia sobrevivido a um grave acidente de carro com a família há quatro anos.

Segundo informações, à época, Eduarda sofreu traumatismo craniano e foi encaminhada ao Hospital Universitário (HU) em Londrina, onde passou por cirurgias e teve que ficar internada. Ela e a avó estavam no veículo que se chocou contra um caminhão no contorno norte de Rolândia.

Foto: Reprodução/Diego Silva

CONTINUE LENDO Reportágem Tem Londrina

 

MANCHETE DO POVO AO VIVO NO LOCAL ONDE O CORPO FOI ENCONTRADO
 

Confusão no local onde a menina foi encontrada morta

Posted by Manchete do Povo on Sunday, April 28, 2019