Esporte

Tribunal autoriza retorno do NAC

A decisão faz com que o NAC (Nacional Atlético Clube) retorne aos campos ainda este ano pela Terceirona do Paranaense
Arte Rafael Stutz

Na tarde de quinta (12), o Superior Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol determinou que a Federação Paranaense de Futebol permita ao Nacional Atlético Clube participar das competições realizadas pela Instituição.

A secretaria do tribunal notificou as partes na mesma data e a federação tem 24 horas a partir da intimação para enviar ao clube o código de acesso que possibilite a inscrição de atletas no sistema da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), sob multa de R$100 mil.

Em reportagem publicada no site da Confederação Brasileira de Futebol a Federação alega que o NAC está em processo de desfiliação por não cumprimento do regulamento e por isso ainda não disponibilizou acesso ao sistema.

O clube apresentou os documentos que provam o cumprimento dos requisitos necessários para participação e por isso teve o direito concedido em julgamento realizado pelo STJD.

Próximos passos do NAC

O clube já não disputa jogos há dois anos, mas com a decisão do STJD isso mudará, já que a divulgação do calendário para a disputa da equipe profissional ocorrerá em breve.

Com o retorno, o NAC irá iniciar seus treinamentos a partir de junho, se preparando para a disputa da terceira divisão do Paranaense que começa ainda esse ano, mas sem previsão.

José Danilson Alves, que esteve à frente do clube de 2003 a 2015, disse “(...) o momento é de reestruturação, a equipe vai iniciar os treinamentos se preparando para a disputa da terceira divisão”, garante.

O Nacional ainda deve passar por mudanças, mas Danilson já adianta que o intuito é voltar a jogar com qualidade para que novas conquistas possam ser alcançadas.

Já em relação ao estádio Erich George, que é conhecido tradicionalmente por ser a casa do NAC, Danilson acredita que não mudará em nada com relação aos jogos do REC (Rolândia Esporte Clube), afinal, há 20 anos o estádio se tornou municipal. Sendo assim, as partidas dos dois clubes serão realizadas no estádio.

 

Quanto aos treinos no campo acredita-se que será uma questão de alinhamento entre as duas diretorias.

Fonte: Confederação Brasileira de Futebol

Shopping