Sociedade

Idosos e pessoas com deficiência: informativo sobre o cadastro único e BPC

Idosos e pessoas com deficiência que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) têm até 31 dezembro para serem incluídos no Cadastro Único para Programas Sociais. O registro dos beneficiários e seu grupo familiar é obrigatório

A Secretaria de Assistência Social reforça o chamamento nacional sobre o Cadastro Único. O Cadastro Único reúne informações das famílias com renda de até meio salário mínimo por pessoa ou renda total familiar de até três salários mínimos. A ferramenta é utilizada também para dar acesso a programas sociais. Nela, são registradas as características da residência, a identificação de cada pessoa, a escolaridade, a situação de trabalho e renda, entre outras informações.

Para se inscrever no Cadastro Único, o responsável familiar deve procurar um Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) mais próximo de sua residência munido do CPF de todos os membros da família do beneficiário.

O Benefício de Prestação Continuada (BPC) repassa todos os meses um salário mínimo para idosos acima de 65 anos e pessoas com deficiência que têm renda familiar de até um quarto de salário mínimo por pessoa, isto é, menos de R$ 238,50. Para mais informações: 3906-1139.

ENDEREÇOS - CRAS DE ROLÂNDIA

CENTROS DE REFERÊNCIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - CRAS Arnaldo Garcia

Rua: Saguaragi, 515 – Vila Oliveira

 

E-mail: [email protected]

Telefone: (43) 3255 2730

Horário de Atendimento: 8h às 17h

Coordenadora: Maria Claudia Mantine

 

CENTRO DE REFERÊNCIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - CRAS Regina Maura Oliveira

R: Francisco Ramos Pereira, s/n – San Fernando

E-mail: [email protected]

Telefone: (43) 3906 1015

Horário de Atendimento: 8h às 17h

Coordenadora: Michele da Silva Pereira

 

CENTRO DE REFERÊNCIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - CRAS Luiz Picinin

Rua: Ivaí, s/n – Jd Bandeirantes/Nobre

E-mail:

[email protected]

 

Telefone: (43) 3906 1097

Horário de Atendimento: 8h às 17h

Coordenadora: Meire Aparecida Silva