Cidades

Escorpião amarelo pica criança de cinco anos

O escorpião estava dentro do tênis do garoto

Na quarta (16) foi registrado um incidente envolvendo um escorpião amarelo que picou um garoto de cinco anos. O fato ocorreu na cidade de Colorado, que é a segunda cidade que mais registra casos envolvendo a classe inferior dos aracnídeos, com 37 casos de picada, perdendo apenas para Maringá que já registrou 43 casos ao longo do ano.

A mãe do garoto conta que instantes depois de calçar o tênis, o menino começou a chorar, ao tirar o tênis, a mãe avistou o animal que escapou.

A criança foi levada de helicóptero ao Hospital Universitário de Maringá, já que a picada do escorpião amarelo pode matar. O menino está em observação.

 

Sobre o animal

O Tityus serrulatus, popularmente conhecido como escorpião amarelo que é o mais venenoso da América do Sul, pertence à classe dos aracnídeos e seu veneno pode ser mortal. Seu comprimento vai de 5 a 7 centímetros.

 

É encontrado no Sul, Sudeste, Centro Oeste e Nordeste do Brasil com mais frequência, mas também está espalhado por outras regiões nacionais.

Curiosamente não existem escorpiões-amarelos machos, apenas fêmeas, e sua reprodução é independente, por meio da partenogênese, ou seja, os óvulos da fêmea se distribuem se a necessidade de fecundação com o espermatozoide (macho). Nos óvulos da fêmea podem ser gerados até 30 embriões que podem ou não vir a avistar a luz do mundo.

Escorpiões amarelos tem o hábito de frequentar ambientes frescos e escuros, como frestas, restos de construção, entulhos, tanques, encanamentos, sapatos, roupas, camas, travesseiros, e cortinas. Seu principal alimento são as baratas, dessa maneira é de extrema importância que as pessoas mantenham os imóveis limpos e dedetizados, para não ocorrer proliferação da espécie.

Existem cerca de 1600 subespécies, vivem de quatro até 25 anos e sua reprodução ocorre com mais frequência no verão.

 

Shopping