Política

Confira como ficaram todas as substituições dos servidores afastados pelo GAECO

A primeira opção do prefeito interino, Negrão, para substituir a secretária de saúde deve ser o enfermeiro, Marcelo Marques Ferreira. Rosilene Mologni volta para a secretaria de educação e Alisson Camargo assume a chefia de gabinete

O nome de Marcelo Marques Ferreira como secretário de saúde ainda é o único que não está oficialmente confirmado, porém já é senso comum entre os corredores do executivo que está sob o comando do vice-prefeito.

A secretária de saúde, Rosana Alves, foi afastada na “OPERAÇÃO PATROCÍNIO” no início dessa semana junto com o prefeito, Luiz Francisconi Neto e mais oito secretários.

O GAECO (Grupos de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) investiga supostos crimes na cidade de Rolândia e na última segunda (10) cumpriu mandado de busca e apreensão na prefeitura, em algumas empresas e também em residências de secretários e servidores.

Foram afastados e em seu lugar assumem;

Chefe do Poder Executivo: LUIZ FRANCISCONI NETO. Assume Roberto Negrão, vice-prefeito.

Chefe de Gabinete: VICTOR HUGO DA SILVA GARCIA. Assume Alisson Camargo (Remanejado da Procuradoria Jurídica).

Secretário de Desenvolvimento Econômico: DÁRIO CAMPIOLO. Já havia pedido exoneração dias atrás e em seu lugar está Diego Evangelista, que acumula o cargo de secretário de esportes.

Secretário de Educação: CLÁUDIO PINHO. Assume Rosilene Mologni.

Procurador-Geral do Município: CARLOS FREDERICO VIANA REIS. Assume Bruno Aranda (Servidor de Carreira).

Subprocurador do Município: LUCAS FERNANDO DA SILVA. Até o momento o substituto não foi anunciado.

Secretário da Cultura: FERNANDO PINA. Já havia sido exonerado e em maio e em seu lugar está Flavia Galbero, servidora de Carreira turismóloga).

Secretário de infraestrutura: VANDERLEI MASSUSSI. Assume Luiz Soares que acumula a secretaria de Agricultura e Meio Ambiente.

Shopping