Sociedade

Após confirmação de sarampo no Paraná, Saúde de Londrina orienta população a buscar por vacina

Secretaria acredita que há risco do registro da doença na cidade. Sesa confirmou nesta quarta-feira (7) o primeiro caso de sarampo no estado após 20 anos.

 Secretaria Municipal de Saúde de Londrina, no norte do Paraná, está orientando a população a buscar pela vacina contra o sarampo. O comunicado foi feito nesta quinta-feira (8) após a Secretaria Estadual de Saúde (Sesa) confirmar um caso da doença no estado.

Paraná registra o primeiro caso de sarampo em 20 anos, diz Secretaria de Saúde

Até agora, mais de mil casos de sarampo foram confirmados em São Paulo. Como a doença é transmissível entre pessoas, a secretaria acredita que há o risco de que o vírus possa ser registrado na cidade em breve.

De acordo com a secretaria, as doses podem ser encontradas nos postos de saúde da cidade.

Pessoas que não se lembram se foram imunizadas ou perderam a carteirinha de vacinação também devem procurar por atendimento, segundo a secretaria.

O município informou que 14% das crianças com até um ano não foram imunizadas na cidade. A diretora da Secretaria Municipal de Saúde, Sônia Fernandes, disse que alguns pais estão desconfiando da vacinação por conta de notícias falsas.

"A vacina tem uma eficácia em torno de 90%. Até para aumentar essa eficácia é que para determinadas idades são feitas duas doses", disse a diretora.

Apesar do alerta, ainda não há suspeitas de casos de sarampo em Londrina, de acordo com a secretaria.

FONTE: G1

POSTAGEM ORIGINAL